Tenha uma boa tarde! Hoje é Segunda, dia 24 de Janeiro de 2022. Agora são 13:57:06 hs
SINTECT-GO

SINTECT-GO

URL do site: http://www.sintectgo.org.br/novo/

CTCE: CAOS! SOBRA CHEFE E FALTA PLANEJAMENTO!

Na SE/GO a bagunça está generalizada! Trabalhador sendo humilhado, assediado nas unidades, Covid-19 bombando nos locais de trabalho e a empresa mentindo que cumpre seu protocolo (semanas pra fazer uma desinfecção, quando faz!) e um monte de chefes ditos técnicos e outros indicados políticos apoiadores deste governo privatista fingindo que estão fazendo algo. Agora é a vez do CTCE Goiânia!
Segundo relatos, o mês de dezembro foi o caos! Faltou de tudo, desde planejamento, material de trabalho só o que não faltou foi sobrecarga de trabalho com Black Friday, FNDE, Enem, Papai Noel dos Correios, compras de fim de ano que geraram mais encomendas. Não havia empilhadeiras, paleteiras, nem espaço para lidar com o turbilhão de cartas, encomendas, livros, provas, brinquedos e outros mais.
Inúmeras dificuldades que já existiam na unidade, como a falta de padronização de serviços e a falta de ambientação de funcionários terceirizados, foram somadas a várias outras como, arrombamento de armários nos vestiários, a falta de recebimento do Adicional de Atividade dos trabalhadores (as) que retornaram do afastamento, sem contar o descumprimento de medidas sanitárias contra a Covid-19, que acaba sendo praticado pela maioria dos trabalhadores (as), concursados ou não, e também pelas chefias que não dão o bom exemplo e nem exigem dos funcionários o cumprimento das medidas. Existem vários cartazes de instrução, álcool em gel em vários pontos, máscaras foram distribuídas, mas não são utilizados corretamente ou muitos nem usam.
Além de tudo, uma enorme empilhadeira batizada como “trambolhão” foi contratada para as operações de fim de ano e ainda está lá parada, ocupando espaço e, na verdade, ela não serve para ser usada, pois é maior que a geralmente é usada para os tipos de carga no CTCE. Até hoje não se sabe ao certo o que levou a contratação de um equipamento que só serve para trabalhar na construção da Usina de Belo Monte ou na construção da Ferrovia Norte-Sul.
Até quando os trabalhadores (as) do CTCE vão ter que aturar tanta desorganização e uma falta de estrutura que torna a todos desmotivado em suas rotinas? Até quando a desorganização, a sobrecarga e o assédio moral vão continuar transformando o ambiente de trabalho em um caos generalizado?

Diretoria Colegiada
SINTECT-GO

DENÚNCIA CEE GOIÂNIA: AUTORITARISMO, PRESSÃO PSICOLÓGICA, PERSEGUIÇÃO E ASSÉDIO MORAL

        Esse é o retrato do que tem sofrido os trabalhadores do CEE Goiânia! Apesar da falta de funcionários e a sobrecarga de trabalho que os trabalhadores vem vivenciado nos últimos tempos, ainda tem que lidar com uma chefia imediata, que age de forma arbitrária, persegue trabalhador, faz ameaças, ridiculariza em público os companheiros dizendo que é “nó cego”. Falas do tipo: “deixa de ser mole que isso aí eu faço sozinho e com as mãos nas costas”. Isso torna o ambiente de trabalho um inferno, um clima organizacional terrível, que só adoece mais e mais o trabalhador. Já tem casos de Síndrome de Burnout nesta unidade.
       São várias as reclamações de trabalhadores e trabalhadoras em relação à forma de tratamento da chefia imediata, são vários os depoimentos de trabalhadores (as) assediados. Chegou ao ponto de a chefia dispensar da função motorizada com a alegação de que era porque o trabalhador estaria pegando muito atestado! Função não deve ser fator de ameaça para o gestor gerir uma unidade!
       Lamentamos e repudiamos que este tipo de postura persista ainda no âmbito da ECT e, infelizmente, na SE/GO esse tipo de gestor são os mais bem quistos pelos “mandachuvas”, pois conseguem reproduzir uma lógica da relação de trabalho baseada na humilhação e subjugação do trabalhador até o limiar de suas forças na busca de manter suas funções e forjar índices a qualquer custo para mantê-las.
       Trabalhadores (as) não se calem e não aceitem esse tipo de postura! Denunciem ao Sindicato para que este tome as providências cabíveis e fiquem atentos fortalecendo uns aos outros nas unidades de trabalho, pois hoje foi com seu colega, amanhã pode ser com você! Esse período vai passar! Está passando!

TODOS OS TRABALHADORES (AS) QUE PASSAREM POR SITUAÇÕES SEMELHANTES DEVEM PROCURAR IMEDIATAMENTE O SINTECT-GO PARA QUE SEJAM TOMADAS AS PROVIDÊNCIAS CABÍVEIS CONTRA ESSA FORMA DE GERIR ATRAVÉS DO ASSÉDIO MORAL, DA TRUCULÊNCIA, DA AMEAÇA E DO MEDO.

# Abaixo ao autoritarismo!
# Chega de assédio moral!
# Por um ambiente de trabalho saudável, lutemos!

Diretoria Colegiada
SINTECT-GO

SINTECT-GO CHAMA A ATENÇÃO DE TRABALHADORES (AS) SOBRE GOLPE APLICADO POR SUPOSTO ADVOGADO

O SINTECT-GO reforça a todos os trabalhadores (as) dos Correios em Goiás sobre suposto advogado que continua, insistentemente, tentando aplicar golpes referente à demanda dos precatórios do PCCS/95. O mesmo entra em contato por meio de ligação ou Whatsapp, se apresentando com a inscrição na OAB da advogada do Sindicato, dra. Giseli Nunes, e oferecendo a possibilidade dos trabalhadores (as) receberem seus precatórios em troca de realizarem um pix com um valor de R$ 1.000,00.
O Sindicato já realizou um boletim de ocorrência, mas é preciso que os trabalhadores (as) fiquem atentos e qualquer contato desse suposto advogado é preciso informar o SINTECT-GO.
NÃO CAIA NESSE GOLPE! O SINTECT-GO e nem sua assessoria jurídica entram em contato com trabalhadores solicitando depósito ou transferência de dinheiro em troca de recebimento de valores. Todas as informações sempre são veiculadas nos meios de comunicação do SINTECT-GO, como email e redes sociais. Se você receber algum contato desse tipo de golpe entre em contato com o SINTECT-GO imediatamente e denuncie!

TENHAM BASTANTE CUIDADO!

Diretoria Colegiada
SINTECT-GO

SINTECT-GO CONVOCA DELEGADOS SINDICAIS PARA REUNIÃO VIRTUAL NO DIA 08 DE JANEIRO

O SINTECT-GO convoca todos os Delegados Sindicais para participarem neste sábado, 8, a partir das 15 horas, de uma videoconferência para tratar de assuntos de interesse da categoria. É importante que, nesse momento, os Delegados Sindicais se façam presentes nessa atividade formativa para que possamos juntos fortalecer a organização das lutas vindouras.
Juntos somos mais fortes! Participe!

Pauta:
Informes Jurídicos;
Sentença Normativa (Acordo Coletivo);
Privatização.

Convidados:
Robson Silva – SINTECT-MG e Jurídico FENTECT;
Suzy Cristiny da Costa Amim – SINTECT-AC e Membro do Comitê Nacional Contra a Privatização dos Correios.

Diretoria Colegiada
SINTECT-GO

SINTECT-GO CONSEGUE NA JUSTIÇA QUE TRABALHADORES (AS) COM DEPENDENTES PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAIS RETORNEM COM BENEFÍCIO

Acórdãos recentes do TRT de Goiás, em julgamento de mérito (portanto, não são apenas liminares), restabeleceram o direito ao auxílio para portadores de necessidades especiais aos dependentes dos trabalhadores (as) dos Correios filiados ao SINTECT/GO. A ECT alegava que o benefício não estaria mais previsto desde o dissídio de greve de 2020.
São beneficiários do auxílio os empregados da ECT que possuam filhos, enteados e/ou tutelados com deficiência, formalmente cadastrados e obedecidos os parâmetros para esta finalidade.
Mesmo a empresa alegando que a manutenção do benefício estaria condicionada à existência de norma coletiva, os Desembargadores do TRT 18ª Região entenderam que o benefício também está previsto no regulamento interno da empresa (MANPES) e que por esta razão aderiu aos contratos de trabalho, não podendo ser suprimido.
O SINTECT-GO pede que os filiados que estejam nessa mesma situação procurem o Sindicato para que possam igualmente pleitear o benefício judicialmente.

#SINTECT-GO na luta!
#Juntos somos mais fortes!

Diretoria Colegiada
SINTECT-GO

ALERTA DE GOLPE: SUPOSTO ADVOGADO ENTRA EM CONTATO COM TRABALHADORES (AS) PARA O RECEBIMENTO DE PRECATÓRIOS

O SINTECT-GO vem recebendo denúncias de trabalhadores (as) sobre um suposto advogado que vem tentando aplicar golpes. O mesmo entra em contato por meio de ligação ou Whatsapp, se apresentando com a inscrição na OAB da advogada do Sindicato, dra. Gizeli Costa Nunes, e oferecendo a possibilidade dos trabalhadores (as) receberem seus precatórios (já ofereceram até R$87.000,00, em troca de realizarem um pix de cerca de R$1.000 reais).
O Sindicato, por inúmeras vezes, já alertou o trabalhador sobre os perigos dos golpes e prejuízos pelas investidas de advogados e de terceiros. Quanto a advogados, seja por não terem compromisso real com a classe trabalhadora, seja por incentivar o trabalhador a buscar caminhos incertos quanto às proposições judiciais, alegando que através deles teriam a facilidade do sucesso nas demandas e mais agilidade na conclusão dos mesmos. No entanto, o que vemos aqui é ainda pior, estelionatários que sequer são advogados se passando por advogados do SINTECT/GO, usando o nome e o número da OAB da nossa advogada e o nome e endereço do Sindicato para fazer parecer um comunicado verdadeiro e assim extrair dinheiro dos trabalhadores.
Não caia nesse golpe! O SINTECT-GO e nem sua assessoria jurídica entra em contato com trabalhadores solicitando depósito ou transferência de dinheiro para receber valores de alguma ação. Só acredite em documentos veiculados nos meios de comunicação oficiais do SINTECT-GO, como email e redes sociais. Caso alguém entre em contato nesse sentido, procure o SINTECT-GO imediatamente e denuncie!

#SINTECT-GO na luta!
#Juntos somos mais fortes!

Diretoria Colegiada
SINTECT-GO

SINTECT-GO VISITA SENADORES DE GOIÁS PARA RESSALTAR A IMPORTÂNCIA DA NÃO APROVAÇÃO DO PROJETO DE LEI 591/2021

A Diretoria Colegiada do SINTECT-GO visitou na manhã desta sexta-feira, 19, o gabinete dos senadores Luiz do Carmo (MDB/GO) e Vanderlan Cardoso (PSD/GO) para enfatizar a importância de votar contra o Projeto de Lei 591/2021, que busca privatizar os Correios e autoriza a exploração de todos os serviços postais pela iniciativa privada.
O PL 591/2021 se encontra em tramitação no Senado Federal, mais precisamente na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). No dia: 09/11, a votação do relatório do senador Márcio Bittar (MDB/AC), na CAE, foi retirado de pauta em meio à pressão dos trabalhadores (as) dos Correios.
Os senadores de Goiás prometeram analisar as considerações da Diretoria Colegiada para a votação do projeto. Na ocasião a Diretoria Sindical protocolou material (já antes enviado virtualmente) do Comitê Nacional Contra a Privatização dos Correios, contendo nestes a última carta aos senadores, onde o Comitê enfatiza os malefícios que as emendas apresentadas pelo relator Márcio Bittar trarão a todos os municípios com menos de 15 mil habitantes, onde as unidades dos Correios serão fechadas conforme a emenda.
Ressaltamos a importância dos senadores olharem pela população dos Estados que representam, pois só em Goiás são mais de 170 municípios que deixarão de ter agências dos Correios. Reafirmamos a necessidade e a importância dos trabalhadores (as) estarem atuando nas redes sociais dos senadores pedindo apoio pela não aprovação do PL 591. A pressão do Comitê e dos trabalhadores (as) tem surtido efeitos e precisamos ampliar essa mobilização.

# Não à venda dos Correios!
# Se votar não volta!
# Não ao PL 591!
# Diga não à privatização!
# Fora Bolsonaro!

Diretoria Colegiada
SINTECT-GO

Representação SINTECT/GO- MPT notifica Correios em Goiás para que decida se deseja cancelar as punições aos trabalhadores (as) pela recusa do trabalho aos domingos e feriados ou pagar multa

O Ministério Público do Trabalho constatou descumprimento de Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado entre a ECT, o SINTECT-GO e o MPT considerando que a empresa vem obrigando os trabalhadores (as) dos Correios em Goiás a realizarem trabalho extra aos domingos e feriados e punindo os que se recusarem ao labor extraordinário.
O SINTECT-GO vem lutando em favor desses trabalhadores (as) onde conseguiu reunir 51 documentos de profissionais que foram suspensos por um dia por terem recusado o trabalho em dias de descanso.
A empresa terá um prazo de 10 dias para manifestação no atendimento da cláusula fixada no TAC, anulando as punições ou terá que pagar multa no valor de R$51.000,00.
Trabalhador (a) se você também foi punido em razão da recusa do trabalho aos domingos e feriados com suspensão e processo, encaminhe a documentação com urgência ao SINTECT-GO para fortalecer essa ação, aumentar a multa e também mostrar a força dos trabalhadores (as) impondo à empresa o respeito a todos os profissionais dos Correios que também tem direito ao seu dia de descanso.
Caso a empresa não cancele as punições, além de ser executada nas multas pelo MPT, o Sindicato proporá ação coletiva para cancelamento das suspensões aplicadas, restituição dos descontos e ainda pagamento de indenização pelo dano moral individual e coletivo causado.

#SINTECT-GO na luta!
#Juntos somos mais fortes!
# Por nenhum direito a menos!
# Não à venda dos Correios!

Diretoria Colegiada
SINTECT-GO

SINTECT-GO CONSEGUE LIMINAR QUE GARANTE O RETORNO DA PRORROGAÇÃO DA LICENÇA-MATERNIDADE

O direito à prorrogação da licença-maternidade por mais dois meses e a fruição das férias vencidas após essa prorrogação foi restabelecido para as trabalhadoras dos Correios em Goiás.
O SINTECT-GO obteve liminar na Justiça do Trabalho após a retirada de cláusulas pela ECT do Acordo Coletivo de Trabalho, entre elas, a prorrogação da licença-maternidade, um direito que favorece tanto a mãe quanto a criança, especialmente por ser um período de amamentação e que garante um desenvolvimento saudável do recém-nascido.
O magistrado entendeu que mesmo que a ECT tenha retirado a cláusula do Acordo Coletivo, o Manual de Pessoal da empresa prevê o direito à trabalhadora de solicitar a prorrogação da licença-maternidade em 60 dias, além de negociar a concessão de férias após o término desse período. Como o Manual só foi alterado em março de 2021, as trabalhadoras contratadas até essa data não podem ser impactadas pela alteração maléfica da norma empresarial, que só atinge as que vierem a celebrar contratos com os Correios a partir de 25/03/2021.
ATENCÃO - É importante que as trabalhadoras dos Correios EFETUEM O PEDIDO DE PRORROGAÇÃO formalmente, por meio do sistema eletrônico da ECT, até o prazo de trinta dias antes de encerrar os quatro meses da licença-maternidade.
Na decisão ficou determinado uma multa de mil reais por dia para cada trabalhadora prejudicada, caso a ECT descumpra a liminar. A empresa tentou reformar a decisão por meio de Mandado de Segurança do TRT, mas não obteve sucesso, sendo mantida a liminar. O processo segue para sentença, que espera o SINTECT/GO seja procedente.

# SINTECT/GO na luta sempre!
# Não a privatização!
# Fora Bolsonaro!

TRABALHADORES (AS) DOS CORREIOS EM GOIÁS REJEITAM PROPOSTA DA EMPRESA EM ASSEMBLEIA VIRTUAL

O SINTECT-GO realizou na noite de ontem, 07/10, a Assembleia Virtual por meio da plataforma “Zoom”, para realizar avaliação da Campanha Salarial 2021/2022 e os desdobramentos da mesma, com os seguintes pontos de pauta: 1- Informes; 2 - Avaliação da Campanha Salarial 2021/2022; 3 - Rejeição ou aprovação da proposta; 4 - Decretação da manutenção do estado de greve.
Durante a Assembleia foi pontuado sobre as condições de trabalho nas unidades dos Correios em Goiás, as convocações para o trabalho aos domingos, feriados e horas extras sob ameaças de abertura de processos administrativos.
Também foi aberto um amplo debate com a categoria que assimilou as orientações diante das maldosas e sorrateiras ações da atual gestão militarizada e, que diante deste quadro, a própria empresa nao quis negociar com os trabalhadores (as) e, mais que depressa, de acordo com seus interesses, protocolizou o dissídio coletivo, neste sentido, a categoria entendeu que deveria sim seguir para o julgamento.
Foi decidido pela maioria dos 96 participantes da Assembleia, (94 rejeitaram e 2 abstenções) a rejeição à proposta da empresa e também foi aprovado por unanimidade a decretação da manutenção do estado de greve.

Diretoria Colegiada
SINTECT-GO

Assinar este feed RSS