Tenha uma boa tarde! Hoje é Sábado, dia 16 de Outubro de 2021. Agora são 12:14:06 hs
12 Mar

CDD BANDEIRAS: 35 trabalhadores testados positivo para a Covid-19, até o momento Destaque

Após divulgarmos na última terça-feira (09/03), a contaminação de 20 trabalhadores no CDD Bandeiras, temos uma nova confirmação: chegamos ao número absurdo de 35 trabalhadores (as), que testaram positivo para a Covid-19. A contaminação na unidade é reflexo da negligência da SE/GO com o cumprimento do protocolo de medidas de prevenção à Covid-19, criado pela ECT e a falta de ações efetivas para combater com seriedade o estado de calamidade que está sendo instalado diante das condições de trabalho nos Correios.  São muitos casos confirmados de Covid-19, em um curto espaço de tempo, em uma mesma unidade!  

Não adianta fingir uma desinfecção da unidade (fazem apenas uma faxina “meia boca”) como se só isso fosse resolver a questão. É preciso o cumprimento de medidas preventivas dentro da rotina dos trabalhadores, só assim para garantirmos mais segurança para quem atua nos Correios. Se no momento em que os primeiros trabalhadores foram confirmados com a Covid-19, também tivessem testado e afastado todos os outros que trabalham na unidade, não teríamos o caos que estamos vendo.

A prevenção contra a Covid-19, como testagem em massa dos trabalhadores e uma desinfecção apropriada dos locais que confirmam a contaminação de trabalhadores (as), já são questões levantadas pelo SINTECT-GO desde o início da pandemia e já foi preciso entrar com inúmeras ações na Justiça do trabalho para garantir essas medidas para os trabalhadores (as), inclusive, nesta unidade, o Sindicato notificou a empresa quando detectado os dois primeiros casos e, não tendo ações efetivas, ao menos não fomos informados, o SINTECT-GO buscou na Justiça o meio para que fosse garantido o mínimo de segurança a estes trabalhadores através da sentença liminar 0010223-39.2021.5.18.0005. Sendo afastados todos e fazendo os testes, os resultados positivos foram saindo como uma reação em cadeia e que chegou a este número, deixando claro que a profilaxia na unidade é mal feita, principalmente no que diz respeito à desinfecção. Fato muito questionado por todos os trabalhadores (as) em outras unidades que passaram pela mesma situação.

Em resposta ao SINTECT-GO, os gestores da SE/GO, via ofício, ao invés de buscarem a eficiência e excelência no combate à Covid no âmbito da superintendência, preferem ameaçar o Sindicato de processo judicial sob a insinuação de que o Sindicato não pode divulgar os casos suspeitos. Deixamos claro que não divulgamos nomes de nenhum trabalhador, apenas que havia uma quantidade testada positivo e outros sob suspeita aguardando resultado. Não nos furtaremos em fazer a defesa que deve ser feita aos trabalhadores (as) e não nos intimidaremos com as ameaças infundadas deste autoritário corpo gestor que se deslumbra no poder e não resolve nada. Não nos calaremos! Trabalhador não se omita, denuncie!

 

#Vacina Já!

#Abaixo ao autoritarismo!

#Não ao assédio moral!

#Não à privatização!

#Fora Bolsonaro e leva os capitães do mato junto!

 

Diretoria Colegiada

SINTECT-GO

 

Última modificação em Sexta, 12 Março 2021 18:47
Avalie este item
(0 votos)
voltar ao topo